Perguntas Frequentes

-Compartilhar bombinha na Pandemia?

Podemos nos infectar com nossa própria bombinha pois o vírus resiste por até 3 dias em superfícies de plástico, como o que reveste as bombinhas. De acordo com a medicina, uso correto do medicamento é a distância de 2 dedos evitando o contato com a boca, e isso possibilita o uso de um medicamento que não o seu em casos emergenciais.

-​Não existem diferentes tipos de bombinhas?

Sim, porém nosso trabalho é baseado no Sulfato de Salbutamol em spray. De acordo com o Relatório Global de 2019 da GINA​ (Global Initiative for Asthma), esse beta-agonista de curta duração é o primeiro medicamento que deve ser ministrado, independentemente do nível da crise.

-A bombinha não é de uso individual?

Sim, até você estar sem a sua.

-Qual o propósito do Afilaxy?

Conscientizarmos que a Asma se trata com acompanhamento médico. As bombinhas são apenas um medicamento de 'resgate'.

-Somente médicos podem receitar medicamentos!

O Afilaxy não receita, não distribui nem armazena medicamentos! Nós identificamos alguém perto para emprestar a bombinha se, e somente se, for um caso emergencial. 

-A bombinha não vicia as pessoas?

Mito. A asma é uma condição crônica de longo prazo. Os pacientes sempre precisam tomar a medicação através da bombinha, mas isso não significa que eles estão viciados.

Baixe o aplicativo

GPbadge.png
  • LinkedIn ícone social
  • Facebook ícone social
  • Instagram ícone social
  • Twitter ícone social